JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

Um terço dos argentinos não querem ter um vizinho judeu.


Cerca de 30% dos argentinos não vê com bons olhos a ideia de ter um vizinho judeu, segundo um relatório divulgado pela Agência Judaica de Notícias (AJN) da Argentina, país que abriga a maior comunidade judaica da América Latina. O relatório foi elaborado pela Universidade de Buenos Aires com a participação da Liga Anti-Difamação (ADL, na sigla em inglês) e a Delegação de Associações Israelitas Argentinas (Daia).

O titular da Daia, Aldo Donzis, confirmou em declarações à AJN que o estudo indicou que um terço dos argentinos não querem ter um vizinho judeu e antecipou que o relatório completo será apresentado em breve. Por sua vez, o vice-presidente da Daia, Ángel Schindel, afirmou que a Argentina "provavelmente é o país onde o antissemitismo é o mais virulento dos países da América Latina. Este antissemitismo virulento, este antissemitismo solapado, não se exibe abertamente, mas existe e está incrustado na população e qualquer situação externa o traz à tona de repente", avaliou o dirigente.

Sem fornecer mais detalhes, Schindel garantiu que o relatório acadêmico é muito sério e foi realizado com base em uma amostra "representativa", não apenas da capital argentina e sua populosa região metropolitana, "mas também de importantes cidades do interior" do país.

Fonte: Jornal Rua Judaica.

Obs.: Ainda bem que é um só 1/3.
Uildicler.

Exibições: 181

Responder esta

Respostas a este tópico

Não existe nada mais triste e primitivo que o preconceito gratuito, advindo da falta de informação, influenciado pela necessidade de determinado grupo sentir-se integrado, sem que ao menos conheça a fundo aquilo que escolheu não gostar ou querer muito.

Basta observar os resultados políticos em toda América Latina para concluir mais devidamente o que afirmo aqui.

O acesso a tanta informação deverias elucidar dúvidas e nunca brindar a mentira, a desinformação e o desentendimento.

Eu não acredito mais que o problema seja resultante de diferenças sociais, mas sim morais.

O ego humano leva a muitos desenganos.

O agente diz que é de esquerda sem ao menos saber conclusivamente o que é esquerda, diz que é de direita na mesma situação e odeia ou ama isso e aquilo nas mesmas condições.

A única coisa que concluo com essa estatística, no caso da Argentina, é a de que 1/3 da população de lá é tola.

Um respeitoso abraço ao amigo Uildicler.

O interessante seria descubrir o por que? 1/3 dos argentinos nao querem ter um vizinho judeu! Ok! Mas por que? Segundo a fonte, os dados completos do relatório ainda serão apresentados. Mas a propabilidade de estarem assimiliando os judeus com o termo Anti-cristo (termo muito difundido na época das cruzadas com a finalidade de afastar qualquer outra crença que não o cristianismo). Levando em consideração que a américa latina é de maioria cristã.

 

Esse tipo de pesquisa mostra que não só na Argentina, mas em muitos países, as pessoas são desinformadas e a maioria desses 1/3 na hora de respoder o por quê de não querer um vizinho judeu, responderão, por que não e só!

 

Essa é a resposta clássica de quem não fundamenta as suas opiniões.

 

A pesquisa trás dados preocupantes em termos de intolerância e também em termos de ignorância, e não me espantaria se 1/3 de toda a América Latina afirmasse o mesmo. O problema é cultural.

 

Grande abraço aos amigos Uildicler e Mário

 

 

Bom dia!

É importante salientar, que este preconceito não é apenas cultural, mas também um problema espiritual. Jamais a casa de Esaú (Essav), de Bilan (Balaão), e de tantos outros grupos que representam o passado das almas que não se elevaram e cultivaram o ódio aos yehudim e a toda a casa de Israel. É lastimavel como essas almas não conseguem se desprender do profundo abismo que se encontram. Não conseguem conectarem-se com um mundo espiritual elevado, cheio de Luz advinda do Criador (Bendito Seja). Não podemos nos iludir. Sempre vai haver esse desafeto, esse desencontro de desnível de almas. Até que venha a era do Mashiach e restabeleça a ordem das coisas nesse planeta, desencadeada pela entrada do Homem ao conhecimento da Ciência do Bem e do Mal. Quando da  entrada do Shabat para toda Humanidade, então, a Humanidade saberá o quão penoso foi provar do Fruto da Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal, antes do Shabat, antes do tempo. O Homem não estava maduro o suficiente, ou seja, com sua alma elevada ao ponto de entender a existência desses dois parâmetros de equilibio para a sua sobrevivência nesse Planeta.

Enquanto o Holam Raba não chega, cumpramos as mitsvots que nos é necessária a nos conectar com a Toráh e com o mundo da elevação espiritual.

Então, manisfesto aqui meu pensamento: Assim, como uma árvore frondosa adentra suas raizes para dentro do seio da terra; assim quero eu, aprofundar-me no conhecimento e prática da Toráh.

Shalom.

Uildicler.

Rafael Augusto disse:

O interessante seria descubrir o por que? 1/3 dos argentinos nao querem ter um vizinho judeu! Ok! Mas por que? Segundo a fonte, os dados completos do relatório ainda serão apresentados. Mas a propabilidade de estarem assimiliando os judeus com o termo Anti-cristo (termo muito difundido na época das cruzadas com a finalidade de afastar qualquer outra crença que não o cristianismo). Levando em consideração que a américa latina é de maioria cristã.

 

Esse tipo de pesquisa mostra que não só na Argentina, mas em muitos países, as pessoas são desinformadas e a maioria desses 1/3 na hora de respoder o por quê de não querer um vizinho judeu, responderão, por que não e só!

 

Essa é a resposta clássica de quem não fundamenta as suas opiniões.

 

A pesquisa trás dados preocupantes em termos de intolerância e também em termos de ignorância, e não me espantaria se 1/3 de toda a América Latina afirmasse o mesmo. O problema é cultural.

 

Grande abraço aos amigos Uildicler e Mário

 

 

Gosto de vir aqui porque, além das pautas que esclarecem, encontro pessoas admiráveis, que acrescentam e têm, o que dizer e passar adiante.

Me sinto muito honrado por fazer parte desse grupo. 

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço