JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

Amós Oz e David Grossman: " Pelo futuro de Israel, apóie o PAZ AGORA ! "

[ caso o artigo não esteja visível, clique AQUI ]

 

Caro amigo de Israel e da Paz,

 

De onde estamos, como veteranos ativistas na luta de Israel para se definir, este ultimo verão foi um tempo surpreendente. O que começou como um simples protesto contra o preço do queijo cottage evoluiu para manifestações de massas, por todo Israel, contra o aumento do custo de vida e a deterioração do nosso sistema de bem-estar social.

 

As centenas de milhares de jovens israelenses que tomaram as ruas e moraram em barracas para exigir um futuro melhor para o seu país compartilharam um profundo descontentamento com a inépcia de nossos governantes e seu desprezo pelo bem comum.

 

Amós Oz - escritor e ativista do PAZ AGORA

Amós Oz - escritor e ativista do PAZ AGORA

 

Como líderes do SHALOM ACHSHAV, o movimento israelense PAZ AGORA, temos esperança no sucesso sem precedentes das manifestações sócio-econômicas do “verão israelense”. Recebemos uma enorme inspiração da energia e força demonstrada por esses israelenses motivados, que exigiram mudanças no país que amam.

 

Este é o modelo que o PAZ AGORA sempre trabalhou - pela mudança do país que amamos. O PAZ AGORA é a voz racional que clama pelas mudanças que nos trarão um acordo de paz, negociado com os  palestinos.

Defendemos a Solução de Dois Estados – Israel e Palestina – porque esta é a melhor esperança para que Israel se mantenha, como Estado Judeu e como democracia. Por outro lado, insistimos em garantias de segurança para Israel, porque nenhum israelense deixaria o futuro do país em risco.

O PAZ AGORA já se manifestava por mudanças em Israel muito antes dos protestos desse verão e de as “cidades de barracas” terem sido erguidas em Jerusalém, Tel Aviv e Haifa. Agora que o verão acabou e as tendas (que esperamos rever em breve) se foram, o PAZ AGORA ainda está lá. E lá ficaremos – até que nosso país consiga a paz.

 

David Grossman - escritor e ativista do PAZ AGORADavid Grossman - escritor e ativista do PAZ AGORA

 

 

Amigo do PAZ AGORA,

As manifestações sócio-econômicas do “verão israelense” trouxeram à tona que as dificuldades do país são em parte um sintoma da atitude do governo Netanyahu de boicotar o caminho da  paz.

O PAZ AGORA demonstrou o absurdo de o governo gastar bilhões de dólares construindo assentamentos, em terras que no final terão que ser evacuadas para dar lugar   a um Estado Palestino.

O primeiro-ministro Netanyahu chegou a concordar que um Estado Palestino é necessário para a paz. Mesmo assim, a construção de assentamentos continua.

Ainda que muitos israelenses prefiram fechar os olhos e mudar de assunto, o PAZ AGORA empenha tempo e recursos para registrar a expansão da colonização por Israel. O Projeto de Monitoramento de Assentamentos do PAZ AGORA documenta e publica informações sobre os assentamentos, dados acurados a ponto de diplomatas, jornalistas, pesquisadores – e até mesmo autoridades do governo de Israel – basearem-se neles.

Isto torna o PAZ AGORA o inimigo aos olhos dos colonos

Então eles nos incluíram na sua campanha de Price Tag.

Price Tag” é o nome que jovens colonos extremistas dos territórios ocupados deram aos seus atos violentos para impedir as autoridades legais israelenses de remover edificações construídas ilegalmente, em assentamentos e postos avançados na Cisjordânia.

Usando o argumento de que, caso essas construções ilegais sejam demolidas, alguém no outro lado terá que pagar o preço, os colonos têm atacado palestinos e suas propriedades, incendiado mesquitas e enfrentado com violência soldados e policiais israelenses.

Recentemente, a ofensiva de price tag atravessou a Linha Verde para dentro de Israel. Durante as grandes festas, uma mesquita em Tuba Zangariya, aldeia beduína na Galiléia – na qual muitos dos moradores servem no Exército de Israel – foi queimada. Lá perto, foram encontradas pixações com as palavras “Price Tag”.  O próprio ministro da segurança interna de Israel chamou isto de “ato terrorista”.

Em meados de setembro, a casa de Hagit Ofran, ativista do PAZ AGORA foi pixada. Entre as palavras grafitadas: “Price Tag“ e “PAZ AGORA – O Fim Está Próximo”.

No início de outubro, um soldado de 19 anos foi detido por ter feito seguidos telefonemas a Yariv Oppenheimer, secretário-geral do PAZ AGORA, ameaçando matá-lo.

Nossos oponentes têm uma visão muito diferente da nossa sobre o futuro de Israel. Para realizar seu sonho de ‘Grande Israel’ estão dispostos a sacrificar o caráter judeu e democrático do nosso país.

Não perder a esperança!

Mas, apesar de todos os esforços dos nossos oponentes, ainda existe esperança numa solução viável de Dois Estados. E essa esperança – em grande parte – é devida ao PAZ AGORA.

Israel precisa da permanente liderança do PAZ AGORA para pressionar o governo a retornar a negociações diretas com os palestinos agora.

É necessária a liderança consciente do PAZ AGORA para apontar as injustiças da ocupação.

A voz do PAZ AGORA é necessária para que os israelenses entendam que o tempo se está esgotando para uma solução de Dois Estados.

O Movimento PAZ AGORA é necessário para nos lembrar de que o nosso crescente isolamento internacional é resultado direto da recusa dos nossos governantes em acabar com a ocupação sobre os palestinos.

Sinceramente,

assinaturas Amós Oz e David Grossman

LUTANDO PELO FUTURO DE ISRAEL
LUTANDO PELO FUTURO DE ISRAEL



 

A PAZ AINDA É POSSÍVEL!

O PAZ AGORA e os Amigos Brasileiros do PAZ AGORA precisam do seu apoio para propagar o ideal de  uma paz justa e duradoura no Oriente Médio com a coexistência de árabes e  judeus em dois Estados Soberanos – Palestina e Israel.

Clique e participe!

> Quero apoiar o PAZ AGORA

            > Quero apoiar os Amigos Brasileiros do PAZ AGORA

[ publicado pelo APN - Americans for Peace Now em 09/12/2011 e traduzido pelo PAZ AGORA|BR - visite www.pazagora.org e participe ]

 

© A reprodução deste conteúdo é permitida, desde que sejam mencionados os devidos créditos aos autores, tradutores, à fonte e aos Amigos Brasileiros do PAZ AGORA.

Exibições: 112

Responder esta

Respostas a este tópico

 

Clique e Participe!



> Quero apoiar o PAZ AGORA



            > Quero apoiar os Amigos Brasileiros do PAZ AGORA


www.pazagora.org

 


 

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço