JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

Um dia, um sábio judeu estava com seus alunos no Mar da Galileia. Era final de tarde e pequenos raios de sol caíam sobre as águas como se fossem pétalas douradas, a luz solar iluminava as grandes colinas de Golã e as gaivotas voavam sobre as águas, anunciando a chegada de um cardume. O vento trazia o suave cheiro das flores silvestres.
Tudo era lindo e perfeito!
O coração do sábio judeu se encheu de amor, que o levou a se desconectar por alguns minutos do tempo. Quando a mente do sábio regressou, uma lágrima de felicidade escorria do seu rosto! E ele agradeceu ao Criador por tanto esplendor!
O sábio judeu olhou em sua volta e percebeu que seus alunos estavam dispersos, sem ter a possibilidade de se conectar com aquele momento mágico. Por isso, ele chamou todos, para que se sentassem ao seu lado, então o sábio perguntou:
“O que seriam para vocês as Sete Maravilhas do Mundo?”.
Cada um pensava e dizia em voz alta uma das maravilhas do mundo : Jerusalém! O Muro das Lamentações! As sinagogas de Tzfat! As Pirâmides do Egito! A Grande Muralha da China! A Tumba dos Patriarcas! O Taj Mahal! A Tumba de David! A Torre Eiffel! A Estátua da Liberdade!
O sábio judeu ficou em silêncio e disse:
"Olhem em sua volta e observem, em total silêncio, as Sete Maravilhas do Mundo”.
1. Vejam essa maravilha que o Criador nos deu!
2. Ouçam essas lindas gaivotas e o canto dos pássaros!
3. Toquem a terra em que vocês estão sentados com suas mãos!
4. Sintam o gosto doce dessas águas cristalinas!
5. Cheirem o perfume das flores silvestres!
6. Sorriam de felicidade, pois a vida é bela!
7. E amem ao próximo como a si mesmos!
O silêncio prevaleceu!
A grande sabedoria é que devemos apenas respirar, sorrir e observar as maravilhas que estão presentes em nossas vidas e que, muitas vezes, esquecemos de valorizar.

Exibições: 27

© 2022   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço