JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

Mordecai Kaplan nasceu na Lithuania em 1881, onde foi Educado dentro das tradições judaica ortodoxa , emigrou aos Estados Unidos com sua família em 1889.
Nos Estados Unidos suas práticas religiosa continua a ser tradicionais ortotodoxa, mas com o tempo se distançia dessa pratica , principalmente por sentir a necessidade de aproximar cada vez mais os não ortodoxos ao judaismo . Graduou-se ma faculdade de teologia judaica da cidade de Nova York, recebendo o titulo de rabino e recebendo tambem o titulo de grau mestre da universidade de Colômbia. Serviu como o rabbi da associação Kehillath Jeshurun, uma sinagoga ortodoxo em Nova York.
Em 1909, na idade de 28, Kaplan começou a ensinar no seminário teologico judaico, transformando-se em professor de filosofia da religião.
Kaplan foi influenciado profundamente pela ciência social e pelo progresso recente nas ciências físicas. Veio ver o judaismo não como uma religião, mas como uma civilização, caracterizada não somente pela opinião e pelas práticas, mas pela língua, pela cultura, pela literatura, pelo etica e moral, pelas artes, pela historia, pela organização social, pelos símbolos, e pelos costumes.
Criou a noção de uma sinagoga como centro comunitário que oferecesse não somente serviços religiosos , mas tambem programas educativos, socias e culturais como : teatro, dança, musica, esportes e estudo geral.

Em 1935, Kaplan escreveu o judaismo como uma civilização, esse livro deu as bases para a fundação do movimento Reconstructionista,sendo considerado um Heregia pelos rabinos Ortodoxos, proibindo de forma total a leitura de seus artigos nas sinagogas e centros de estudos ortodoxo.
Kablan ensinou que nós necessitamos de reconstruir os fundamentos religiosos do judaismo, na compreensão que o judaismo é uma civilização . Promoveu a democracia na vida comunitaria e de suas sinagogas e lutou por uma sociedade voluntária, de justiça e respeito para as opiniões religiosas dos indivíduos.
Kaplan é também conhecido por ter instituindo o bastão Mitzvah, quando chamou sua filha mais velha para ler o haftará no Shabbat no dia de seu aniversário de 16 anos, essa postura criou um grande impacto na epoca, ratificando a igualdade das mulheres dentro de sua sinagoga.
Kaplan continuou a estudar e ensinar durante todo sua vida até sua morte em 1983 na idade de 102. Sua influência é ampla além das fronteiras do movimento Reconstructionista; suas idéias encontraram um solo fertile para os judeus da América que vivem em uma sociedade secular .

Alguns aspectos chaves do pensamento de Kaplan incluem:
"O judaismo é uma civilização religiosa em desenvolvimento. Onde nossa dispersão por todo o mundo resulta diferenças culturais, onde , nós estamos unidos por ser uma civilização comum e devemos trabalhar para transceder as diferenças que nos dividiem. Nossa historia comum é a fonte de nosso convénio e o que motiva comanda o nosso judaismo" .
Kaplan não ve a Deus como uma força supernatural no universo, mas algo que tem o poder de salvação pessoal possível, Kaplan compreende que "Deus é a soma de todas as forças organizandas e animadas no cosmo , onde esse relacionamento fazem o equilibrio de um cosmos fora do caos" Kaplan tambem disse que Deus não pode abreviar as leis da natureza , pois Deus é sinonimo de lei natural.
Sobre a reza disse que é necessária porque nos ajuda a tornar consciente de nossa conciênçia, manifesta a força espiritual interior, faz o equilibrio de nossos relacionamentos e nos habilita a realizar a salvação pessoal. Além disso, a reza é estar junto é ser parte é dar atenção a comunidade e as suas necessidades. E finalmente, a adoração oferece uma liberação da emoção que possa nos orientar em um sentido psicológico positivo.
Kaplan rejeitou diversas categoriasdo judaismo ortodoxo, o mais notàvelmente o Judaismo como o” povo Eleito”. Sentiu que esse termo sempre foi mal usado frequentemente como um sinal do superioridade judaica, quando preferivelmente concebeu a expressão do compromisso do judaismo a Deus e a humanidade.

Assim, , Kaplan tambem rejeitou a idéia de um messiah pessoal (isto é, Deus emitirá um messiah na forma de um ser humano). Kaplan tambem, evitou a frase "...baruch bachar milha-kol ha-amim "(Bendito seja o senhor quem nos escolheu entre todos os povos...).
Concepções do movimento reconstrucionista
O reconstruccionismo está basado nas sequintes concepções e principios morais:
Judaísmo: Considera o judaismo como Civilização , que tem o seu propio idioma, territorio, história, tradição, leis, arte e religião. Considera, que os judeus podem encontrar profunda satisfações no conhecimento e no desenvolvimento de sua cultura. Onde o judaismo não pode passar simplesmente por interpretações de credos , e sim por uma participação integral a vida do propio povo judeu .A religião judaica deverá existir como parte integral da cultura dessa civilização .
Deus: é uma soma de todos ideais que conduz o ser humano no sentido criativo e positivo negando a doutrina da revelação e da eleição divinas.
Educação: Propoem um tipo de programa educativo que inclua o estudo do hebraico, judaismo, sionismo e historia de Israel , dentro do nucleo comunitario, propoem a capacitação de liderança comunitária..
Halachá: Entende que a Halacha tem como base sociológica para preservar o grupo como tal deverá sofrer mudanças e adptações as necessidades a realidade da vida comunitária .Os individuos da comunidade não são obrigados a regir suas vidas em função da halachá ,tem o direito e a independência de definir os campos de aceitação das leis em função das necessidades pessoais, sempre quando toma o interesse do grupo.

Programa basico do movimento reconstrucionista
A diferença dos reconstrucionistas e das demais movimentos religiosos judaicos é que o reconstrucionismo trascendem a esfera da religião procurando englobar a religião como um fator importante,porem integrado a toda a esfera da vida judaica seja no aspecto cultural, histórico,educativo e folklorico do judaismo.
Reestablecimento do direito do povo judeu a seu centro civilizatorio que é a terra de Israel . O Judaísmo, como civilização requer um lugar no mundo ou sejá um centro comum a todos os judeus esse centro é o estado de Israel.
Restauração da vida e da cultura judaica atravez da educação e fortalecimento do nucleo comunitário . A comunidade como um organismo organizador das necessidades de continuidade vida judaica.. A educação judaica não somente depende de compreender seus rituais, mas tambem deve capacitar os seus individuos para um amplitude cultural judaica voltada para um pensamento critico e analitico,para forma lideranças capacitadas a enfrentar as possiveis manifestações de antagonismo e hostilidade ao mundo externo.
A religião é a mais elevada forma de expressão da civilização judaica , é no texto judaico que poderemos interpretar as expressões mais avançada de nossos antepassados e relaciona-los ao pensamento moderno e condiciona -los e interpreta-los numa relevançia á realidade da sociedade moderna .
Se deve dar muito enfoque na questão da estetica dentro da vida judaica, incentivar as manifestações culturais e artisticas como forma de criar um espaço comunitario atrativo ,absorvendo aos judeus afastados do judaismo, inclusive os judeus homosexuais, heterosexuais e lesbica.
A Vida judaica a longo prazo dependerá de um estabelecimento de uma ordem social que terá como base o estabelecimento de uma sociedade de justiça,paz, e liberdade.
Fontes:
http: //www.jewishvirtuallibrary.org/index.html
Judaism as a Civilization: Toward a Reconstruction of American-Jewish Life Mordecai M Kaplan

Exibições: 626

Respostas a este tópico

Judaismo como civilização - Mordecai Kaplan

RSS

© 2020   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço