JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

CARLOS FELIX DORNELLAS
  • 39, Masculino
  • CAMPINAS/sp
  • Brasil
  • SIM
Compartilhar
  • Mensagens de blog
  • Tópicos
  • Eventos
  • Grupos
  • Fotos (1)
  • Álbuns de Fotos
  • Vídeos

Amigos de CARLOS FELIX DORNELLAS

  • Alessandro Martins de Paula
  • Angela R. C. Nespoli
  • Paulo Blank
  • Jayme Fucs Bar

Presentes recebidos

Presente

CARLOS FELIX DORNELLAS ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente

 

Página de CARLOS FELIX DORNELLAS

Informações do Perfil

Cidade
CAMPINAS/SP
Voce tem claro que esse site esta vinculado com a corrente do Judaismo Humanista ? porem todas as pessoas são bem vindas , independentes se são ou não judeus ou se definem ou não como judeus humanistas! Existe um criterio unico que é a do respeito mutuo "ao outro" e a concepção judaica desse site .
SIM
Por que Você quer ser membro dessa comunidade?
SOU MARRANO -Sefarditas (em hebraico ספרדים, sefardi; no plural, sefardim) é o termo usado para referir aos descendentes de Judeus originários de Portugal e Espanha(no meu caso dos que fugiram para RECIFE) A palavra tem origem na denominação hebraica para designar a Península Ibérica.

 a cidade de Recife relembrou que boa parte de seu desenvolvimento, ao longo da história, se deveu ao povo judeu. A cidade recebeu a primeira leva desses imigrantes ainda no século XVI. Na época, a Inquisição forçou a saída dos judeus chamados sefarditas, que viviam na Península Ibérica. Eles vieram na condição de cristãos-novos, com suas identidades disfarçadas. Os judeus se integraram e transformaram a paisagem pernambucana. A primeira ponte construída no Recife e no Brasil, a Maurício de Nassau, teve como engenheiro um judeu, Baltazar da Fonseca. A Rua do Bom Jesus, no Recife Antigo, um dos pontos mais visitados pelos turistas, foi aberta também por judeus. A primeira sinagoga das Américas, a Kahal Zur Israel, fica no Recife. Eles também trouxeram costumes que se incorporaram ao cotidiano dos pernambucanos. Varrer a casa da porta para dentro, contar as estrelas e fazer faxina na sexta-feira, por exemplo, são alguns deles. O surgimento da primeira estrela marca o início de um novo dia pelo calendário judaico e por isso elas são contadas. Durante o governo de Nassau, judeus foram donos de mais de 30% dos engenhos de açúcar. O período em que Maurício de Nassau esteve no Recife (entre 1637 e 1644), quando aceitou o convite da Companhia das Índias Ocidentais para assumir o governo no Brasil, foi o mais significativo. Na indústria açucareira, 30% dos engenhos de Pernambuco chegaram a pertencer a judeus ou cristãos-novos. Nassau ofereceu empréstimos para a recuperação desses engenhos de açúcar e respeitou as diferenças crenças religiosas. Três séculos depois da primeira imigração, Pernambuco voltou a receber judeus. A partir de 1880, o Recife se tornou o porto de entrada para mais de 1,5 milhão de judeus que deixavam para trás suas casas na Romênia, Polônia e Rússia, fugindo da perseguição nazista na Europa Oriental.
SOMOS judeus KKKKKKK Recife sabe disso...

Fotos de CARLOS FELIX DORNELLAS

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Caixa de Recados (1 comentário)

Você precisa ser um membro de JUDAISMO HUMANISTA para adicionar comentários!

Entrar em JUDAISMO HUMANISTA

Às 10:27 em 14 dezembro 2012, Jayme Fucs Bar disse...

Shabat Shalom Carlos Felix, Seja Bem Vinda!

 
 
 

© 2019   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço