JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

Shalom a todos e a todas! A falta de tempo me fez estar um pouco longe deste espaço (do que muito sinto falta). Mas já achei um espaço para estar compartilhando experiências e trabalhos com todos vocês, nobres amigos e amigas.

Faço parte da coordenação da AMISRAEL - O MENSAGEIRO DA PAZ, no Paraná, uma ONG que trabalha em prol da cultura de paz. Hoje em mais de 22 países, e, com mais de 40 milhões de agentes da paz.

Nosso trabalho é focado na prevenção de problemas como o antissemitismo, a violência - e, poderíamos dizer também, na Hasbará - buscando esclarecer e infrormar a sociedade quanto a assuntos ligados a Israel, bem como na manutenção da paz e criando formas para amenizar problemas, buscando soluções pacíficas.

Iniciamos fim do mês passado um trabalho nas escolas, utilizando palestras e também exposição de fotos, a fim de conscientizar aos jovens e adolescentes sobre o papel que cada indivíduo tem na manutenção da paz. Com a crescente onda de violência, fanatismos e antissemitismo, queremos adentrar na área de educação, onde mais podemos ajudar; pois é a partir de aí onde o caráter do cidadão é formado.

Compartilho com vocês a história a seguir, a qual usamos nestas palestras, e, que tem cativado aos alunos:

Um cientista vivia trancado em seu laboratório, procurando respostas para os problemas do mundo.
Certo dia, seu filho de sete anos invadiu sua sala, decidido a ajudá-lo. Impaciente, o cientista pediu que o filho fosse brincar em outro lugar, no entanto, sem sucesso.
Então procurou algum objeto que pudesse entreter a curiosidade do menino, logo encontrando o mapa-múndi impresso na página de uma revista.
Recortou o mapa em vários pedaços, pegou um rolo de fita adesiva e entregou tudo ao filho, dizendo:
- Você gosta de quebra-cabeças?
Então vou lhe dar o mundo, todo quebrado, para consertar. Veja se consegue fazer tudo direitinho.
Calculou que a criança levaria dias para recompor o mapa.
Porém, algumas horas depois, ouviu a voz do filho:
- Pai, pai, já fiz tudo. Consegui terminar tudinho!
Incrédulo, o cientista levantou os olhos de suas anotações, certo de que veria uma mapa sem sentido. Mas, para sua surpresa, o mapa estava completo, com tudo em seus devidos lugares.
- Você não sabia como era o mundo, meu filho. Como conseguiu?
- Pai , eu não sabia como era o mundo, tentei consertar, mas não consegui.
Mas quando você tirou o papel da revista para recortar, eu vi que, do outro lado, havia a figura de um homem. Então lembrei disso, virei os recortes e comecei a consertar o homem que eu sabia como era. Quando consegui consertar o homem, virei a folha e vi que havia consertado o mundo.

Nessa visão de que é mais fácil consertar o homem é que trabalhamos.

Caso queiram acompanhar nossos trabalhos, o site é www.amisrael.org.il.

Abraços fraternos a todos!


Alfredo Mocelin Jr.

Exibições: 54

Comentar

Você precisa ser um membro de JUDAISMO HUMANISTA para adicionar comentários!

Entrar em JUDAISMO HUMANISTA

Comentário de Jayme Fucs Bar em 3 maio 2010 às 7:28
Shalom Alfredo,
Muito obrigado por compatilhar a todos esse grande e importante trabalho de educacao para a Paz que vcs estao realizando no Brasil, sem duvida essas iniciativas e manifestacoes de dialogo e paz eh o que mais necessitamos neste momento, principalmente quando se trata de educar numa visao de "tikun adam" . Estarei divulgando o site amisrael para minhas outras redes que tenho contato.
Mais uma Vez Parabens ! Ve Behashlacha!
um forte abraco

Jayme

© 2020   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço