JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

Amós O Profeta da Justiça Social em 787 a.C Jayme Fucs Bar

Amós O Profeta da Justiça Social em 787 a.C Jayme Fucs Bar

Alquns fragmentos da mensagem do Profeta Amós, que viveu por volta de 787 a.C, e se vivesse hoje seria considerado um "socialista dessordeiro", mas Amós jamais conheceu essas teorias ele nada mais cumpriu os valores sociais existentes na (Torá) foi quem previu o fim do reino de Israel e sua total destruição. Ele vai enfrentar tudo e todos, será ameaçado de morte pelos poderosos, mais com todas as ameaças continuará sem tregua a denúnciar as injustiças sociais,reinantes em seus tempos, dedicará sua vida na luta por uma sociedade mais justa, igualitária e exigirá a garantia da dignidade dos pobres e oprimidos.

Sua crítica Social:
1. O enriquecimento da sociedade à custa dos pobres.
2. O suborno e a corrupção de juízes nos tribunais.
3. A opressão, a violência e a escravidão dos pobres.
4. Mulheres ricas que, para viverem no luxo, estimulavam seus maridos a explorar os fracos.
5. Comerciantes desonestos, sem escrúpulo, que deixavam os pobres sem possibilidade de comprar  as mercadorias por preço justo.

Quais são os sete crimes que acusa Amos aos poderosos do Reino de Israel na linguagem de seu Tempo?

1." Vendem o justo por prata": - desprezo ao justo
2. "Vendem o indigente por um par de sandálias": - escravização por dívidas ridiculas
3." Esmagam sobre o pó da terra a cabeça dos fracos" – humilhação e opressão dos pobres
4." Tornam torto o caminho dos pobres" - exploram os pobres e seu direito.
5." Um homem e seu filho vão à mesma jovem": opressão e humilhação das empregadas e escravas
6." Se estendem as mãos sobre vestes penhoradas, ao lado de qualquer altar": falta de misericórdia aos mendigos e pobres
7." Bebem o vinho daqueles que estão sujeitos a impostos”: mau uso dos impostos /corupção.

Os problemas sociais e a falta de justiça estão presentes no dia a dia de Amos. A opressão e as grandes desigualdades nos bens materiais, a falta de sensibilidade pelo sofrimento do outro, a exclusão social, a hipocrisia religiosa e a ânsia de grandes lucros, levaram a Amos a agir pelos direitos dos mais frágeis e lutar e denunciar os poderosos.

A proposta de Sociedade de Amós na linguagem biblica
Levar uma vida caracterizada pela moral e justiça social.
Adorar a ADONAI cumprindo os valores divinos de ética e justiça social.
Amar a DEUS é colocar em prática o amor ao Proximo, pois a fé ao SENHOR deve ser expressa em atos de boas ações.

Exibições: 69

Comentar

Você precisa ser um membro de JUDAISMO HUMANISTA para adicionar comentários!

Entrar em JUDAISMO HUMANISTA

© 2022   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço