JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

Arqueólogos descobrem cisterna em Jerusalém - Fonte Pletz

Arqueólogos descobriram uma grande cisterna pública do período do Primeiro Templo na Cidade Velha de Jerusalém, oferecendo uma nova visão sobre o abastecimento de água há mais de 2.500 anos.

​A cisterna, que comporta 250 metros cúbicos de água, foi descoberta adjacente ao lado ocidental do Monte do Templo, durante uma escavação em andamento no local. A descoberta mostra que o abastecimento de água naquela época não se baseava apenas na Fonte de Gihon, a única fonte de água natural de Jerusalém, mas contava também  com grandes reservatórios artificiais como o que foi descoberto agora.

O tamanho original da cisterna – a maior de seu tempo descoberta na cidade – e sua localização sugerem a possibilidade de que ela desempenhou um papel nas atividades rituais no templo, segundo a arqueóloga Tsvika Tsuk da Natureza de Israel e da Autoridade de Parques , a cisterna foi impermeabilizada com um gesso amarelado típico do período, com marcas ainda visíveis nas paredes.

O Primeiro Templo foi construído por volta de 950 aC, de acordo com o registro bíblico, e destruído por um exército babilônico em 586 aC. A construção do Segundo Templo começou cerca de 50 anos mais tarde. O Monte do Templo como ele existe atualmente data de uma expansão e renovação feita por Herodes, o Grande, cinco séculos depois, cerca de 2.000 anos atrás. O Segundo Templo foi destruído por Roma em 70 dC.

http://www.pletz.com/blog/descoberta-arqueologica-jerusalem/

Exibições: 285

Comentar

Você precisa ser um membro de JUDAISMO HUMANISTA para adicionar comentários!

Entrar em JUDAISMO HUMANISTA

Comentário de Angela R. C. Nespoli em 22 setembro 2012 às 21:11

Excelente post Jaiyme! Parabens... Em tempo: Shana tova umetuka!!!

© 2020   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço