JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

Em Israel, paz e amor ao Irã: por Marcelo Ninio Folha.com

 

Adepta da campanha iniciada por israelenses contrários ao ataque: "Iranianos, nós amamos vocês" (Reprodução)

Finalmente uma notícia refrescante no meio da fogueira de ameaças e profecias apocalípticas que cercam as relações entre os arquiinimigos Israel e Irã.

Cansados de ouvir os dois governos batendo tambores de guerra, um casal israelense lançou uma campanha para estender a mão aos iranianos, sem intermediários. Ou melhor, por meio do intermediário universal, o Facebook.

Ronny Edry e Michal Tamir, artistas gráficos de Tel Aviv, publicaram na rede social fotos suas com os filhos e os dizeres: “Iranianos, nós nunca bombardearemos seu país. Nós amamos vocês”.

Junto com as imagens, a mensagem: “Ao povo iraniano, a todos os pais, mães, crianças, irmãos e irmãs, para que haja uma guerra entre nós, primeiro precisamos ter medo e odiar. Não tenho medo de vocês, não odeio vocês. Sequer conheço vocês. Nenhum iraniano jamais me fez mal algum”.

Não demorou muito e centenas de israelenses aderiram à campanha, formando uma galeria de fotos de pessoas que endossam a mensagem de paz ao país persa.

Ronny contou ao jornal “Haaretz” que também recebeu recebeu respostas de israelenses irados, chamando-o  de entreguista,  ingênuo e palavras impublicáveis. Mas o que mais o impressionou foi a reação de iranianos, agradecidos.  De Teerã chegaram mensagens parecidas, com fotos de iranianos manifestando afeto aos israelenses e repudiando a escalada retórica dos dois governos.

Resposta de uma iraniana à campanha: "Israelenses, nós somos seus amigos"

Das páginas do Facebook, a mensagem agora vai ganhar as ruas de Israel. Inspirada pela campanha, uma passeata de repúdio à guerra foi marcada para o próximo sábado em Tel Aviv. Mantendo o espírito de criatividade gráfica que originou a campanha, foi criado um poster bem-humorado para a ocasião (abaixo), xingando o presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, e o premiê israelense, Binyamin Netanyahu. Na imagem, os dois viram uma única criatura, Mr. Ahmedinyahu, que precisa ser contida.
No início do mês, uma pesquisa de opinião mostrou que quase 60% dos israelenses são contra um ataque ao Irã. Isso não se refletirá na passeata, que deve ser pequena. No Irã, onde os protestos de rua contra o regime teocrático desapareceram sob dura repressão, a campanha ficará mesmo só na internet.


 

Mensagem a "Mr. Ahmedinyahu": "Não queremos guerra"

Exibições: 112

Comentar

Você precisa ser um membro de JUDAISMO HUMANISTA para adicionar comentários!

Entrar em JUDAISMO HUMANISTA

© 2019   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço