JUDAISMO HUMANISTA

O Judaismo Humanista é a pratica da liberdade e dignidade humana

 

 Ser judeu, é ter nascido de um ventre de uma mulher judia. Porque? Porque  o filho da mãe judia é parte do corpo da mãe. Logo, se a mãe é judia o bebê é judeu.
Mas, ser judeu, é mais que nascer de um ventre de uma mulher judia.
Ser judeu, é estar comprometido com a religião judaica.
Ser judeu é abraçar a religião judaica e a causa judaica.
Se uma pessoa nasceu de um ventre de uma mulher judia e também pratica a religião judaica, essa pessoa é um judeu completo.
Amar a Israel ou o povo de Israel, não caracteriza  ninguém a ser um judeu.
Mas, graças a D'us que há milhares de pessoas no mundo todo que amam Israel e o povo judeu.
Se uma pessoa é sionista e não é praticante da religião judaica, não nasceu de ventre judia ou não se converteu pelos padrões da Halachá; essa pessoa não é judeu.
Agora, se  ela é judia ou judeu, e também sionista, então está tudo muito bom! Pois, o
Israel de hoje, é um "protótipo" do Estado Judeu que ressurgirá na Era do Mashiach. (Quem viver verá). Theodor Herzl quando fundou o sionismo, sua intenção era formar um Estado Judeu. Mas, por questões políticas da epoca, fundou-se o Estado Israelense de origem judaica.
Não adianta a pessoa estar vestida de judeu, achando que é judeu.
Também não adianta praticar o judaísmo pela metade e achar que é judeu. Ou que por isso, pertença ao povo de Israel.
Não adianta praticar algumas Mitsvot da Torá e praticar também idolatria, contrariando a regra de que o Eterno é UM só. E não dois ou três ou um em três.
Só é judeu quem é nascido do ventre de uma mulher judia ou que se converte pelos padróes da Halachá.
Acontece que, o judaísmo não faz proselitismo.
O judaísmo é a única religião no mundo que não faz conversão expontâneamente.
Não há interesse em converter ninguém a religião judaica.
Existe as SETE LEIS  UNIVERSAIS ( Leis de Noach. Leis que o Eterno deu a Noé como representante da Humanidade).
As pessoas que observarem essas SETE LEIS, tornam-se pessoas justas ao olhos de D'us.
Ao passo que, as pessoas que faz conversão a religião judaica, têm que cumprir 613 Mitsvot (Mandamentos) na íntegra.
Para a conversão à religião judaica, é preciso cumprir três etapas:
CIRCUNCISÃO (religiosa) MIKVEH (banho ritual), e a disposição de cumpri as 613 MITSVOT Mandamentos).
Porém, todo o Israel, converteram-se no Monte Sinai antes de receberem a Torá.
Nota: O Rabino Chefe da maior e principal Yeshivá do Chabad de todo mundo que está em  Israel, é um convertido.
Por issso, Eu (...) estou em processo de conversão. Estou fazendo conversão de acordo com a
Halachá.
Não estou enganando o Rabino. Dizendo que quero cumprir as 613 Mitsvot e na prática não estou cumprindo. Nem vou comemorar em um restaurante não  Kosher. Vou agradecer a "H" pela permissão de fazer parte de um povo que cumpre as Mistsvot da Torá e aprender dos nossos
sábios cada vez mais, para me aperfeiçoar no entendimento da Torá.
Estou aprendendo a cumpri todas as Mitsvot.
Estou aprendendo a colocar Tefilim, Tsitsit, Talit, na hora certa, no lugar certo, para um propósito certo.
Acontece que, para quem não nasceu dentro do povo, educar a alma às Regras, é uma tarefa difício e que requer um esforço muito grande. É alcançar um degrau a cada dia. Estou na GUIUR  por escolha própria. Sou um Talmid, as vezes erro, as vezes acerto. Mas, tenho notado que estou crescendo.
Não estou  enganando,  disfarçando, com fins interesseiros. Não estou a fim de tirar proveito de benefícios materiais. Nem com a intenção de pedir dinheiro ou  de ficar rico as custas da religião. Nem para tirar vantagens ou ter privilégios com os yehudim.
Nem tão pouco, sou um dissimulador para pregar conceito cristão no meio do povo judeu. Terminatemente não.
O meu firme propósito, é estar conectado com a Torá, tornar a minha alma elevada e dar testemunho da unicidade do Eterno nosso D'us. O D'us de Israel.
Minha GUIUR é estritamente de caráter espiritual.
Sei que não mereço. Que não sou digno. Mas, é o que quero para minha vida.
Estou ciente da responsabiliade e do comprometimento com a causa judaica.
Não me importo o que possa acontecer ou deixe de acontecer por pertencer a um povo que foi perseguido e ainda é visto por alguns com indiferença.

.

Shalom.

Bacuch Shofar.

 

Exibições: 1860

Responder esta

© 2024   Criado por Jayme Fucs Bar.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço